guarda-móveis em São Paulo

Deixar os pertences armazenados em algum local enquanto faz uma mudança ou precisa de espaço, podemos colocar em risco. Para que isso não ocorra, é preciso que o guarda-móveis em São Paulo seja seguro e confiável.

Selecionar qual empresa prestará o serviço, é um processo que deve ser feito com cuidado e seguindo critérios. Para que não haja erro na seleção é preciso levar alguns pontos em consideração, e saber se eles atendem às suas necessidades.

 

Segurança oferecida pelo guarda-móveis em São Paulo

Garantir que os pertences fiquem protegidos é uma das prioridades e o guarda-móveis precisa transmitir confiança. É necessário que ele conte com câmeras de segurança, vigias, fechaduras, controle de acesso e outros recursos.

Visitar o local e conferir como a segurança é feita ajuda a garantir que tudo o que é informado será cumprido.

Leia mais: Checklist para escolher uma empresa de mudança residencial

Cuidados com os pertences

Além de seguros, os pertences devem ficar preservados no guarda-móveis em São Paulo. Eles devem estar bem embalados, em um ambiente controlado em relação à temperatura, bolor e umidade.

Os cuidados também devem incluir os imprevistos, em caso de incêndio e roubos, é preciso ter sistemas de controle. Quando a situação não puder ser contornada, um seguro para os pertences precisa ser oferecido.

 

Espaço disponível para armazenagem

Dependendo da quantidade de itens a serem armazenados e o tamanho, será necessário contar com um box específico. A empresa deve oferecer soluções sob medida para que todos os pertences fiquem juntos e não espalhados pelo guarda-móveis.

Verificar os itens de maior tamanho e as opções de box, faz com que se tenha uma ideia da melhor opção. Se o guarda-móveis em São Paulo tiver consultores que ajudem nesse processo, não terá como errar.

 

Localização do guarda-móveis

O ideal é que o self-storage esteja próximo, pois, isso pode ajudar a economizar com o transporte dos pertences e facilitar o manuseio.

Para quem pretende usar o espaço para os negócios, armazenando estoques e produtos acabados, será preciso acessar frequentemente. Nesse caso, quanto mais próximo estiver, ajudará na rotina.

 

Tempo de contrato

A necessidade de deixar os pertences no guarda-móveis em São Paulo pode variar, é preciso checar se existe flexibilidade pela prestadora de serviço.

O contrato deve ser flexível, permitindo que o tempo de armazenagem seja prorrogado se houver necessidade, assim como mudança de box. Quanto mais vantagens e negociações ele permitir, será mais interessante para o contratante.

 

Valor cobrado pela armazenagem

O valor é um ponto importante do guarda-móveis em São Paulo, ele deve garantir um bom custo-benefício. A escolha não deve se basear apenas no preço, mas no valor cobrado em relação ao que é oferecido.

Fazer diferentes orçamentos e comparar ajuda a escolher o mais vantajoso, mas, os outros critérios também devem ter um peso na decisão final.

 

Empresa que prestará o serviço

O espaço físico é importante, mas a reputação da empresa e conhecimento que ela possui no serviço também. Conhecer a história e como os clientes avaliam a organização serve como indicador do que esperar.

O ideal é fazer um levantamento de informações e conversar com ela para sentir se o que foi dito corresponde com o que está sendo oferecido.

Escolher um guarda-móveis em São Paulo deve considerar os pontos apresentados. Além disso, ele deve ser funcional de acordo com o objetivo para qual está sendo locado. A seleção correta será feita quando não houver pressa para decidir e buscar por uma empresa de confiança.